Atum: Quais seus Benefícios? É Saudável? Faz Mal? Confira

    O atum é um peixe de água salgada que pode pesar até 250 quilogramas.

    Você sabia disso?

    E ele é uma comida popular no mundo inteiro.

    Principalmente de forma enlatada.

    Apesar do atum ser rico em nutrientes, ele pode oferecer riscos à saúde.

    Portanto, seu consumo deve ser moderado.

    Nesse artigo, você verá os benefícios desse peixe e quais os cuidados são necessários no consumo.

    Quais os benefícios do atum em lata?

    • Rico em ômega-3;
    • Fonte de proteínas;
    • Vitaminas do complexo B;
    • Pode ajudar numa dieta para a perda de peso.

    Para entender melhor cada benefício, vamos olhar para eles com calma.

    Ômega-3

    Uma das principais funções desse tipo de gordura é regular o colesterol.

    Já que ele diminui o colesterol ruim (LDL) e aumenta o colesterol bom (HDL).

    Dessa forma, ele atua diretamente na saúde cardiovascular.

    Além disso, ele parece melhorar o funcionamento do cérebro.

    E pode diminuir o risco de desenvolver o Alzheimer.

    Atum pode ajudar a emagrecer

    Devido à baixa quantidade de calorias e gorduras, esse peixe é um alimento que favorece o emagrecimento.

    Outro motivo que ajuda nesse quesito são as proteínas.

    Pois elas são de absorção mais lenta.

    Isso implica em manter o corpo saciado por mais tempo.

    Portanto, uma refeição moderada com esse peixe pode ajudar no processo de perda de peso.

    Mas atum enlatado é saudável?

    Como você acabou de ver, ele traz diversos benefícios ao corpo.

    Especialmente porque a ômega-3 é um tipo de gordura que não é muito fácil de encontrar.

    Porém, o consumo desse peixe deve ser moderado.

    Uma vez que ele contém uma grande quantidade de mercúrio.

    Esse metal pesado não é eliminado pelo organismo.

    Assim, ele vai se acumulando conforme é ingerido.

    Como o atum é um peixe grande, ele se alimenta de peixes menores.

    Consequentemente, ele ingere o mercúrio do organismo de diversos peixes.

    Assim, ele acaba tendo uma alta concentração desse metal.

    Por esse motivo, não se deve comer o atum constantemente.

    Isso não significa que atum faz mal, mas é indicativo de que é preciso ter cuidado.

    Para um adulto, uma quantidade aceitável é comer apenas uma vez na semana.

    Crianças, idosos e mulheres grávidas devem evitar comê-lo.

    Lembre-se, consulte o seu médico ou nutricionista para ter uma dieta balanceada.

    Efeito do mercúrio no corpo

    É inevitável o acúmulo de metais pesados no corpo.

    Já que eles não são sintetizados e nem expelidos, ou seja, o corpo não consegue se livrar dessas substâncias.

    Portanto, é preciso monitorar as quantidades ingeridas.

    Já que a exposição ao mercúrio danifica as células do cérebro.

    Isso prejudica algumas funções do corpo no longo prazo.

    Existem três fatores que se destacam.

    • Perda do controle motor;
    • Problemas de memória;
    • Dificuldade de foco.

    Além disso, ele pode intensificar a ansiedade e a depressão.

    Sabe-se também que altos níveis de mercúrio durante a gestação podem gerar problemas na formação do sistema nervoso do bebê.

    Portanto, mulheres que planejam engravidar já devem se precaver quanto ao consumo de alimentos com altas taxas de mercúrio.

    Durante a amamentação, também é preciso ter cuidado com o consumo de atum.

    Para isso, é fundamental consultar um médico e ter o acompanhamento adequado.

    Este artigo te ajudou?
    Este artigo não possui comentários
        Deixe seu comentário

        O seu endereço de email não será publicado.